Olha só quem voltou para mais um dia de BEDA, pois é, tá complicado conciliar tudo aqui na vida offline e dar conta de postar todos os dias. Vamos ver se hoje tomo meio litro de café e agendo metade do mês. Hahaha. Para continuar a saga Blog Everyday vamos de TAG. Vi no Ei Carol.

Sou muito… boa conselheira, eu acho. É o que me dizem.

Não suporto… interações sociais em elevadores e filas. Ai, desculpa, mas sou dessas. Quando eu morava em apartamento (ok, era no segundo andar) eu subia de escada se tivesse alguém esperando o elevador, só para não ter que falar de assuntos aleatórios por 2 minutos.

Eu nunca… saltei de paraquedas e morro de vontade!

Eu já briguei… na rua. Com um babaca que ficou me xavecando e me acompanhando de carro enquanto eu voltava pra casa do rolê a pé, sozinha e de madrugada.

Quando criança… eu não gostava de brincar com outras crianças. Eu não era o tipo de criança que ia na festinha e corria pro parquinho. Até hoje sou meio assim, só que com adultos.

Neste exato momento… estou amamentando. Sim, fazendo o post enquanto amamento.

Eu morro de medo… de ter uma doença degenerativa.

Eu sempre gostei… de cantar.

Se eu pudesse… viveria viajando.

Fico feliz quando… Alice fala que me ama. É de aquecer o coração, sempre. Não vejo a hora do Caetano aprender a falar isso também. Hahaha

Se pudesse voltar no tempo… eu conversaria mais com os meus avós sobre o passado da nossa família.

Adoro… quando está nublado e não chove nem faz muito frio.

Quero muito viajar para… a Itália e, se possível, nunca mais voltar.

Eu preciso… trocar meu óculos de grau porque tá remendado com durex. Dureza.

Não gosto de… frases negativas. Acredito que o que a gente fala tem muita energia e dizer “eu não vou conseguir”, por exemplo, já tende a realmente não conseguir mesmo.

Δ

e você, já fez essa tag? concorda ou discorda de alguma coisa? me conta nos comentários. se já fez ou se for fazer a tag, me marca para eu ver seu post também. 

Compartilhe:
Escrito por Stephanie Salateo

criadora de conteúdo criativo, mãe de Alice e Caetano, moro em São Paulo e não vivo sem café. tenho 31 anos e sou geminiana com ascendente em câncer, ou seja, não faço muito sentido.