Festa das Cerejeiras no Parque do Carmo

Festa-Cerejeira-14-5

A cerejeira é minha árvore favorita. No quintal de casa tem dois pés de tipos diferentes, uma mais clarinha (Yukiwari) e outra mais escura (Okinawa). Em São Paulo só se encontra 3 tipos de cerejeiras, além desses dois daqui de casa também existe a cerejeira Himalaia que é rosa clara com um toque de verde clarinho. Elas sempre começam a florescer em julho, depois que as folhas já caíram e os galhos ficaram todos nus. A Yukiwari leva mais tempo até cair as flores.

Festa-Cerejeira-14-7

A vida toda imaginei ter um jardim cheio dessas árvores então visitar a Festa das Cerejeiras parecia meio óbvio, só que eu não fazia ideia de que essa festa acontece todo ano e nem que a plantação de cerejeiras do Parque do Carmo é a segunda maior do planeta, só perde para uma que fica no…Estados Unidos, em Washington, onde todo ano acontece o National Cherry Blossom Festival. No Japão eles celebram o Hanami na primavera, fazendo pic-nics sob as árvores.

Festa-Cerejeira-14-116

Na Festa das Cerejeiras também tem um monte de gente fazendo pic-nic, descansando, namorando, brincando debaixo das árvores. Se você não levar seu lanchinho pode ir até as barracas que vendem tanto comídas típicas como churros, churrasco e fondue de frutas com chocolate. Uma super mistureba de sabores. Eu comi um bolinho japonês chamado Dorayaki, é tipo uma panqueca bem fofinha recheada com um creme. A única coisa que eu senti falta foi de barraquinhas de artesanato e outras coisinhas japonesas, pois se tinha eu realmente não vi. Antes de visitar a festa vale a pena conferir a programação porque nos dois dias têm apresentações de dança, música etc.

Festa-Cerejeira-14-13

A festa é anual e acontece apenas em um fim de semana, mas você pode visitar o parque quando quiser e se for na época em que as cerejeiras estão floridas, mas sem ser no fim de semana da festa, acredito que seja bem mais tranquilo tanto para fotografar, como descansar. O Parque do Carmo é gigante e tem ciclovia, aparelhos de ginástica, playground, churrasqueiras, lagos, além do Museu do meio Ambiente, Planetário, Bosque das Cerejeiras e monumentos à imigração japonesa. Ou seja, vale a pena visitar o parque o ano todo.

Festa-Cerejeira-14-87

Festa-Cerejeira-14-18

Festa-Cerejeira-14-88

Festa-Cerejeira-14-31

Festa-Cerejeira-14-95

Festa-Cerejeira-14-103

Nós gostamos demais e Alice se divertiu bastante. Com certeza voltaremos ano que vem e capaz de irmos até em um fim de semana sem festa pra poder ficar relaxando debaixo daquele monte de cerejeiras maravilhosas!

Serviço:
Av. Afonso de Sampaio e Souza, 951 – Itaquera
Diariamente das 5:30h às 18h
Mais informações acesse o site.

Leia também

1 Comentário